Carreira Pelo Mundo

Será que você tem o perfil para fazer cursos EaD? Confira aqui

Você conhece alguém que já fez ou faz algum curso a distância?

Segundo a Associação Brasileira de Educação a Distância (Abed), a Educação a Distância (EaD) é “a modalidade de educação em que as atividades de ensino-aprendizagem são desenvolvidas majoritariamente sem que alunos e professores estejam presentes no mesmo lugar à mesma hora”.

Ou seja, a maioria das aulas são feitas online e no horário escolhido pelo aluno.

Em meio a um enorme deficit estudantil que temos no pais, as modalidade de ensino a distância éuma excelente oportunidade para que você se qualifique mais.

Como que vai o estudo no Brasil?

Hoje temos uma grande parcela da população que não entraram na faculdade ou nem sequer terminaram o ensino médio.

Algumas estatísticas mostram que pessoas com 25 ou mais representam apenas 15% da parcela da população que possuem um canudo de formação na categoria de ensino mais alta.

Nos níveis de educação mais baixo, conhecido por educação básica e educação média, temos a segunda pior média de aprendizagem – reportagem destacada no portal de educação UOL – , que vocês tem acesso aqui no link e podem tirar mais conclusões.

Para aqueles que ultrapassaram a linha da formação básica/média a entrada para a universidade é quase que um luxo para alguns, mesmo com financiamentos governamentais e programas de bolsas.

Dado esse levantamento podemos dizer que pessoas com idade a partir de 22 ou 25 anos estão entrando na faculdade apenas agora, isto é, depois de uns 7 ou 8 anos de formados no ensino médio.

Isso se da pelo fato dessa pessoa ter encontrado um modo de se financiar (trabalhar para pagar seus estudos) apenas agora, depois de anos de sua formação. Comum. Não deveria, mas é.

Como solucionar este problema da entrada no ensino superior?

Fora soluções obvias que é fazer mais investimento nas escolas públicas e possibilitar que mais pessoas possuam acesso a ensino de mais qualidade, algumas ações estão por ai permitindo que pessoas consigam o sucesso.

Fora programas governamentais que são de certa forma limitado, algumas instituições de ensino estão elaborando planos de negócios para atender e entregar estudo a mais pessoas.

Instituições privadas como Educa mais Brasil, Quero Bolsa e Neora vão em busca de oportunidades para milhares de alunos no Brasi, a fim de conseguir bolsas de estudos em diversas universidades.

As categorias de Ensino a distância é uma modalidade que vem crescendo muito com o passar dos anos, tanto pelo fato de ser mais em conta, quanto por qualquer pessoas em qualquer lugar do mundo e do Brasil com acesso a internet pode acessar os conteúdos e garantir um ensino de qualidade.

Vamos falar um pouco mais de cursos EaD?

Quem são as pessoas que estudam por cursos EaD?

Segundo Luciano Sathler, diretor da Abed, atualmente, essa modalidade é o principal fator de democratização do acesso ao Ensino Superior no Brasil. “Ela tem permitido o acesso de pessoas mais experientes, com mais idade, e muitas vezes de uma classe social mais empobrecida de conseguir o fazer curso superior”, explica.

Dados de 2016 divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelaram que apenas 15,3% da população brasileira adulta (com 25 anos ou mais) possui o diploma do Ensino Superior, um número incrivelmente baixo. Isso significa que, nos dias de hoje, a educação a distância se tornou um dos maiores facilitadores para que minorias e outros grupos sociais tenham acesso a uma educação de qualidade e consigam conquistar o tão sonhado canudo.

Saiba mais: Minorias nas faculdades: por que o acesso ao Ensino Superior ainda é restrito no Brasil?

Um levantamento feito pelo Quero Bolsa, o principal programa de inclusão para quem pretende ingressar no Ensino Superior com disponibilidade de bolsas de estudos, para o “Panorama Quero Bolsa do Ensino Superior Privado no Brasil”, mostrou os motivos que fazem com que brasileiros prefiram ingressar em cursos a distância do que em presenciais, são eles:

  • Flexibilidade da carga horária (44%);
  • Mensalidades mais acessíveis (27%);
  • A localização do polo de apoio presencial (11%).

Além disso, na mesma pesquisa foi possível afirmar que mais de 79% consideram o conteúdo ensinado excelente ou bom. Ou seja, é possível perceber quais são os fatores que tornam o EaD uma das melhores opções para quem quer voltar a estudar.

Já decidiu se vai estudar? Ou o que estudar?

Hoje temos diversas vagas para curso de ensino a distância que são de ótima qualidade e com preços acessíveis para conseguir conquistar o canudo e trilhar uma nova trajetória profissional. De sucesso claro!

Para saber quais cursos estudar, existem diversos testes vocacionais na internet que são de excelente qualidade para te ajudar a decidir um bom futuro acadêmico.

Leave a Comment